Dra. Izabela da Mata

Beleza e Saúde da Pele – Dieta à Base de Plantas

Independente do motivo que o levou a adotar uma dieta vegetariana, saiba que você está no caminho certo e sua pele vai demonstrar isso!

A pele é o maior órgão do nosso corpo, desempenha funções fundamentais como regulação da temperatura, sensibilidade (térmica dolorosa, de pressão), reparação de feridas, proteção contra agentes externos, dentre outras; sendo assim, hábitos de vida saudáveis incluindo alimentação, são de extrema importância para seu bom funcionamento.

Frutas, verduras, legumes, grãos, leguminosas são alimentos ricos em antioxidantes, principalmente de vitamina C e vitamina E, que ajudam a combater e neutralizar a ação de radicais livres, diminuindo flacidez, rugas, opacidade, manchas.

Vamos citar benefícios de alguns alimentos sobre a pele:
Frutas e vegetais alanranjados: são ótimas fontes de betacarotenos, que auxiliam no combate aos raios UVA e UVB, deixando a pele naturalmente bronzeada, saudável e uniforme. Exemplos: cenoura e mamão.

Frutas cítricas: ricas em vitamina C que é essencial para a formação do colágeno, responsável por deixar a pele saudável e firme. Sem o colágeno, a pele sofre efeitos do envelhecimento precoce. Laranja, kiwi são exemplos.

Frutas secas: possuem grandes quantidades de vitamina E que auxilia na boa aparência da pele por ter ação antioxidante, reduzindo os radicais livres e os efeitos indesejados do envelhecimento da pele. Exemplos: avelã e amêndoa. (Atenção às calorias).

Chás: são conhecidos por entrarem na dieta de quem deseja emagrecer, mas eles são ricos em antioxidante que, como mencionado, retardam o envelhecimento da pele. Exemplos: chá preto e chá verde.

Doenças como acne(espinhas), podem se beneficiar com dietas ricas em alimentos com ação anti-inflamatória: grãos integrais (arroz, macarrão, farinha, quinoa e aveia), alimentos com ômega 3 (linhaça, chia), sementes (chia, linhaça, abóbora), alimentos ricos em vitamina A (cenoura, mamão, espinafre) e ricos em vitaminas C e E (limão, brócolis, abacate, laranja).

Se você tem a pele ressecada, escolha alimentos que sejam ricos em água: rabanete e tomate são alguns exemplos. Os sucos também são recomendados como melancia, abacaxi, laranja, morango, manga, maçã, goiaba, que possuem grandes quantidades de água; (atenção, pois na maioria dos casos, comer a fruta “in natura” é a melhor opção).

Em contrapartida, a carne tem comprovadamente gorduras saturadas que aumentam o risco de doenças cardiovasculares. Essas gorduras estão diretamente relacionadas ao aumento do ruim colesterol que se deposita na parede dos vasos, ocasionando diminuição da elasticidade e obstrução dos mesmos.

Imaginem que, se os grandes vasos ficam com circulação comprometida, o que dirá os pequenos capilares que nutrem a pele? Completamente impossibilitados de manter uma circulação e oxigenação favoráveis. O resultado é o envelhecimento com todas as suas apresentações.

Como se não bastasse, carnes vermelhas e laticínios processados, quando chegam ao intestino são capazes de causar uma disbiose (disfunção) local, favorecendo a liberação de agentes pró-inflamatórios que, quando atingem a pele, quebram o colágeno e elastina, fundamentais para sua sustentação.

Deve-se ficar atento para o fato de que, tirando da dieta certos alimentos, podem surgir deficiências vitamínicas importantes, com consequências drásticas para o organismo. Cito como principais o ferro, vitamina B12 e o Ácido Fólico. Sempre procure seu médico de confiança para investigar deficiência e repor quando necessário.

Abraço, Izabela   –   @izabelamata

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *