Carol Destro

A transformação necessária

Humanos possuem super poderes! Uma pena que não saibam utilizar.

O mais importante deles é o poder da transformação. Algo muito valioso, que por vezes esquecemos sua aplicabilidade.

Se tem algo que fortalece a nossa vida é a transformação, é a oportunidade de mudar de opinião, é a chance de mudar um gosto, de mudar nossa história. E para mim é assim que vejo o veganismo: como uma força de renovação, uma ação tão importante de mudança de hábitos e quebra de paradigmas, que incomoda os mais resistentes a mudanças.

O veganismo é a oportunidade de transformar sabores, crenças, culturas… De deixar para trás o que um dia gostou! É ser livre! Livre para tirar suas próprias conclusões, e não se deixar enganar por contos de fadas ou comerciais coloridos.

Costumo até dizer que quem fala ter me conhecido no passado, é bem provável que não saiba mais quem hoje sou, e assim quero ser lembrada.

Temos habilidades de metamorfose, tão linda quanto a da própria borboleta, que se cansa e evolui sem pensar nas consequências. Ou seja, o poder está dentro de nós, e para sair aperte seu próprio botão.

Observo com frequência a capacidade que nós seres-humanos temos de criarmos justificativas para tudo.  Encontramos um motivo para não ir à academia, não ir à aula, furar um encontro, iniciar uma dieta! De fato o nosso cérebro é incrível e criativo!

O que ocorre em relação ao veganismo é o fato de que este fere a ética de algumas pessoas, e como estas se sentem ofendidas por não seguir tal estilo de vida, inventam mil justificativas.

Realmente elas são das mais variadas. Tem justificativa de todo tamanho!
Informação e conhecimento não bastam! É necessário aprofundamento, empatia, reflexão! É necessário quebrar barreiras… Enfrentar a família, amigos e a sociedade!

E assim consigo entender o porquê se tornar vegano parece ser tão difícil para muitos.
A transformação fere não só o indivíduo, mas também a sociedade cega. 

Entendo que cada um tem seu tempo de transformação e assim seguimos para incluir cada vez mais pessoas nesta missão. Porém, há uma coisa que não muda: o tempo dos animais explorados que buscam através da nossa voz a libertação.

Espero ansiosamente pelo dia em que metamorfoses doam menos do que o sofrimento de um outro ser. #govegan

Carol Destro
instagram.com/@carolvidavegan

Um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *